Galo em Família – Gols de Rei



O Cam1sa Do2e traz no Galo e Família uma homenagem ao Rei Reinaldo. Em gols e lances que dispensam qualquer descrição do que foi a genialidade do Rei, o atleticano que não viu, passa a entender o que era aquele punho fechado para o alto. E quem viu, pode matar a saudade desse camisa 9 que fez a alegria de tantas famílias, como as que você confere nas fotos abaixo.

Envie a foto dos seus amigos ou parentes em momentos especiais. Basta que o momento tenha um toque do Atlético na foto e postaremos com prazer no Cam1sa Do2e.

Para enviar sua foto, o e-mail é [email protected]

Vamos ao Galo em Família.

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e

Quintoube – Gols da base

O Atlético enfrenta o América nesse fim de semana com a possibilidade de ter em campo sete jogadores formados na base: Renan Ribeiro, Werley, Soutto, Serginho, Renan Oliveira, Giovani e Mancini.

E como o Quintoube sempre traz o que é destaque na semana, levamos para a Nação Cam1sa Do2e, gols no Campeonato Mineiro, de jogadores revelados na base do Galo.

Jornalistas que soltaram notícias como “A base que só traz prejuízo” ou “Duzentos garotos que comem e dormem” terão que torcer muito contra o Atlético para não morrerem sufocados pela própria língua azul.

Ironicamente, o time que mais chamou a atenção no início do ano, pelas contratações que anunciava, será destaque pela quantidade de titulares vindos da Base. Coisas do futebol. Coisas de time campeão. Vai pra cima deles Galo! Vai pra cima deles meninada!

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e







Cam1sa D3las – Marina

A capa do blog nessa semana é a atleticana  Marina.

Entre na comunidade ‘Cam1sa D3las’ no orkut  e poste no tópico específico (http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=9413753) para concorrer à capa do Blog e responder as perguntas que serão publicadas no Cam1sa Do2e.

Estaremos escolhendo uma candidata toda semana para estar em destaque no Cam1sa D3las.

Caso você não queira candidatar-se, mas queira ver sua foto no blog, envie para [email protected]

1-Nome, apelido e idade.

Marina Luíza / Mari / 17 anos, mas quaaase 18.

2- Onde nasceu e onde vive?

Marina: Nasci e moro em Coronel Fabriciano – MG.

3- Qual é o seu estilo musical preferido?

Marina: Com certeza, o sertanejo.

4-Relacionamento?

Marina: Atualmente estou namorando.

5- Quando começou essa paixão pelo GALO?

Marina: Desde novinha, o meu pai (que é cruzeirense) me incentivava a ser cruzeirense também, mas ele nunca obteve sucesso. A paixão pelo Galo, a gente nasce com ela e não tem como, todos podem tentar mudar, mas no fim, sempre, sempre os nossos corações serão alvinegros.

6-Qual é o jogo memorável na sua opinião?

Marina: O primeiro com certeza, pois desencadeou a minha grande paixão pelo galo.

7- Qual é o seu grande ídolo ALVINEGRO?

Marina: Ah… com certeza o Tardelli, mas confesso que tenho um amor platônico pelo Danilinho (ex-jogador do Clube).

8- Qual o seu maior sonho?

Marina: Casar no Mineirão. (risos)

9- O que mais gosta de fazer nas horas vagas?

Marina: Messenger, orkut, facebook, música… Coisas de gente normal. (risos)

10- Qual é a sua melhor característica e pior defeito?

Marina: Sou bem carinhosa, e meu pior defeito é ser ‘mandona’.

11- Uma frase que demonstra seu espírito de ALVINEGRA.

Marina: ” A vida me fez atleticana, e eu fiz do Atlético a minha vida ”

12- O que é ser ATLETICANA?

Marina: Ser atleticana é jogar de corpo, alma e coração, e não ter medo do que acontecerá nos 9O minutos de jogo.

13- Qual é o jogador de maior destaque no GALO, no elenco atual?

Marina: Renan Ribeiro. Lindíssimo!

14-Se você fosse técnica do GALO, o que gostaria de mudar no time?

Marina: A defesa, que em minha opinião é HORRÍVEL.

15-Descreva em poucas palavras a torcida ALVINEGRA.

Marina: A torcida mais apaixonada, que está com o time em qualquer lugar, independentemente da colocação ou série.

16-Muitos descrevem como doença, outros, como amor sem fim… e você, como explica a paixão pelo CLUBE ATLÉTICO MINEIRO?

Marina: É um sentimento tão temido, desconhecido por uns e ansiado por outros. O meu amor é bem simples, amo sem ‘frescuras’, sem fantasmas. Vivo para amar meu Galão, tenho certeza disso. Não importa se eu sou mais um pontinho no meio de milhões de atleticanos, não importa se meu grito sairá abafado pelo uníssono grito de milhões, o que importa é que eu faço parte dessa torcida, eu amo nosso Atlético tanto quanto vocês, ou até mais, não duvidem.

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e




 

Galo lança revista e livro em estilo Mangá

Dia 07 de maio, às 12 horas, será lançada na Loja do Galo de Lourdes a primeira edição da revista e do livro do Galo em Mangá. Nas páginas, o atleticano poderá viajar pela história centenária de uma maneira diferente.

Apesar de estar disponível nas bancas e livrarias desde o dia 10 de abril, dessa vez o torcedor poderá levar para casa as publicações autografadas por ex-jogadores como Toninho Cerezo, Éder Aleixo e Dadá Maravilha, além dos autores da obra e do Galo Doido, que estarão presentes no evento.

A adaptação desse estilo de quadrinhos, oficial do Japão, é uma inovação no futebol brasileiro e passa a ser um presente para o torcedor que gosta de guardar a história do Clube e converter novas gerações, independente da idade.

 

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e

Cruzadinhas Cam1sa Do2e nº 16

 

A cruzadinha de hoje é a de número 16.

1) Nenhuma das resposta precisa de acento ou cedilha. Caso o leitor coloque, poderá atrapalhar na resolução de outra pegunta.

2) Não clique na imagem acima. Ela é somente para ilustração do post. Para resolver a cruzada é preciso clicar no link abaixo.

3) Quando estiver resolvendo a cruzadinha, clicar no botão ‘resolver’, lhe dará a resposta automaticamente.

4) Quando terminar a Cruzadinha, clique no botão ‘Conferir tudo’ e saiba quais você acertou.

5) Na pergunta “Lateral no Atlético em 1999-2000-2002-2011. Teve passagens pela Seleção Brasileira. Atuou por clubes como Milan, Internazionale, Roma e Venezia.” – Vale lembrar que atualmente esse jogador não está mais como lateral. Para compensar, deixaremos até uma foto como dica.

6) Utilize sites como a Wikipedia ou  o Galo Digital para a resolução de algumas perguntas.

Com essas dicas, a cruzadinha ficou fácil, hein.

CLIQUE AQUI PARA RESOLVER A CRUZADINHA Nº 16

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e


 

América 1×3 Atlético – Vídeos





Eu só quero chocolate

Essa semana não foi das melhores para os atleticanos. A cada fase da Copa do Brasil, o coração vai bater mais triste em saber que esse sonho ficou para trás. Além disso, dias antes da semi-final do Mineiro, perdemos Magno Alves, peça importante nesse time. Guilherme foi o último dos sustos, mas esse terminou com um final feliz.

A última página da semana era a obrigação de quebrar um tabu que durava anos, e essa página diria se a semana seguinte seria com sorriso no rosto ou de preocupação para os atleticanos. Por ironia, a página foi selada num dia de páscoa, data onde o mascote adversário é ícone.

Sabe quando a gente vai para longe e depois de um tempo pode deitar novamente no colo da mãe, passando a sentir em cada batida do coração o significado da palavra saudade? Assim é com o atleticanismo, que pode ser compreendido quando, no pior dos momentos, surge uma chama de esperança e a certeza que no fim do dia o sorriso estará estampado no rosto com mais uma vitória do Atlético. Quando em meio a tanta turbulência, você ainda coloca a cabeça pela janela de casa e solta um grito de ‘GALO’ para acordar toda a vizinhança, em cada decibel está uma resposta para esse tal atleticanismo.

A fé do atleticano vai na contra-mão dos adversários e cresce de acordo com a proximidade da taça. Basta um possível encontro dentro de poucos dias para que alguns adversários comecem a ressuscitar antigos pesadelos. Quem será o novo carrasco? Quem fará três novamente ou deixará um goleiro de costas?

Porém, o América também precisava de um novo pesadelo para ficar atravessado em sua garganta por anos. O dia chegou e a camisa do Galo voltou a fazer a diferença em clássicos ao presentear o adversário com um chocolate meio amargo. No início, o sabor não agradava muito, mas como ‘surpresinha’, o ovo trazia Neto Berola que colocou fogo na partida. Como o chocolate do pobre coelhinho verde não era de boa qualidade, logo derreteu com o fogo alvinegro.

A experiência dos vinte anos de Soutto, a vontade de Mancini em ser campeão novamente com a camisa alvinegra, um neto Berola indiferente às ameaças dos zagueiros, tudo contribuiu para que a semana apreensiva terminasse como o atleticano previa nos gritos de Galo pelas janelas. As semanas difíceis antecipam as vitórias mais inesquecíveis e trazem a certeza que esse time será campeão com a qualidade patenteada pelo Galo; a RAÇA!

Para encerrar, eu deixo os versos de Tim Maia:

♪♫ Não quero chá
Não quero café
Não quero Coca-Cola
Me liguei no chocolate
Eu me liguei!
Só quero chocolate♫♪

Feliz Páscoa também ao time de vôlei do Sesi.

 

ABRAÇO NAÇÃO!

Fael Lima

www.twitter.com/cam1sado2e

*Fotos de Bruno Cantini no Flickr Oficial do clube.