Após 10 rodadas do Brasileiro, Galo já utilizou 34 jogadores

Por:
27/06/2017 - 15:30

Com novos problemas e dúvidas a cada rodada, Roger já utilizou praticamente todo o elenco

Disputa de competições simultâneas, cansaço, contratações, convocações e lesões, muitas lesões. Não faltam motivos para o alto número de jogadores utilizados por Roger Machado nas primeiras rodadas do Brasileiro. Além do elenco principal, foi preciso recorrer aos atletas das categorias de base. A meninada campeã da Copa do Brasil Sub-20 não decepcionou, principalmente na vitória sobre a Chapecoense, em Santa Catarina.

A lateral direita foi a maior dor de cabeça para o treinador. Com Marcos Rocha e Carlos César vetados pelo DM, foi preciso chamar de volta Alex Silva, emprestado ao América no início da temporada. Em 2017, a posição ainda contou com "participações especiais" de Yago, Elias, Thalis, Danilo e, em entrevista na Cidade do Galo, até Luan se prontificou a ajudar o time na posição. Com 8 partidas no Brasileiro, Fábio Santos deu poucas chances para os concorrentes, mas Danilo foi testado contra o Vitória, não agradou e Leonan passou a ser o substituto imediato contra a Chape.

No meio-campo, convocações para as seleções do Equador e Venezuela tiraram Cazares e Otero, respectivamente, da lista de opções de Roger Machado. Jogador com mais partidas no Brasileiro, Rafael Carioca é a base na meiuca que vive uma incógnita de dois ou três volantes. Dúvida que fez Ralph, Roger Bernardo, Elias, Adilson e Yago passarem pelo setor.

A lista pode aumentar? No elenco, Giovanni, Uilson, Jesiel e Lucas Cândido não participaram de nenhum jogo

Para justificar a entrada de Bremer contra a Chapecoense, o sétimo zagueiro no Brasileiro, é preciso passar pelo Departamento Médico, onde Gabriel e Felipe Santana estavam vetados. Rodrigão ganhou a vaga de Erazo, que sequer tem sido relacionado, mas o jovem zagueiro deixou o campo nos primeiros minutos de jogo. Bremer aproveitou a chance e segurou a vitória ao lado de Matheus Mancini, outro estreante, contratado em abril.

De todas as peças utilizadas no Brasileiro, apenas Maicosuel deixou o elenco, negociado com o São Paulo. Das 34 peças, o quebra-cabeça de Roger já utilizou dois goleiros, seis laterais, sete zagueiros, seis volantes, sete meias e seis atacantes.

Clique aqui para assistir aos vídeos da TV Camisa Doze

Clique aqui para seguir o Blog Camisa Doze no Instagram