O GALO E A MASSA – VINGAMOS 1981

O BRASIL PASSOU A ACREDITAR

Foto: Daniel Teobaldo / Soul Galo

Foto: Daniel Teobaldo / Soul Galo

Sempre dissemos que a reunião de garotos no Parque Municipal, em 1908, criou algo que foi muito além do futebol. Surgiu o clima único das arquibancadas, grandes amizades se formaram, pessoas, muitas até mesmo analfabetas, conheceram outras cidades, estados e países para apoiar o Galo em campo. Pais e filhos que pouco se veem na vida corrida, se abraçam apertado na arquibancada, usam o balanço da rede para quebrar a timidez do dia a dia.

Agora o Atlético foi além. Ser Galo passou a ser um estilo de vida pelo país. Começou somente entre os Atleticanos, sempre citados como fiéis, apaixonados, que se entregam totalmente àquilo que faz bem ao coração. Hoje um cidadão comum enfrenta um problema em Manaus de cabeça erguida, afinal de contas, passou a noite arrepiado com o que viu na TV. No Nordeste, seja nos estádios ou na janela de uma casa qualquer, alguém solta o grito – EU ACREDITOOOO! – e dá início a um efeito dominó de pessoas que acreditam. Uns querem acreditar que o amanhã será melhor, acreditam que conseguirão uma chance no sonhado emprego, acreditam que a cura da doença virá antes do apito final. O vestibular que era impossível já não bota medo em mais ninguém. Basta repetir aquele grito que a voz sai e um sentimento único toma o peito.

Muitos sequer sabem o motivo da expressão rodar pelas ruas durante todo o dia. A dona de casa nem gosta de futebol, mas foi contagiada pela energia do filho que, como ele mesmo diz, agora se dedica como Victor, corre como Luan e tem a coragem de um Leo Silva.

Em breve veremos palestrantes mineiros rodando o mundo para falar sobre o significado do termo “é possível”.  Todos nós estamos propensos a sofrer um, dois, três golpes capazes de nos derrubar, nos deixar no chão. O corpo não sabe sequer qual será o próximo passo, tudo parece perdido, mas lá no fundo vem a voz daquele povo dizendo que ainda não acabou, que o milagre vai acontecer e a voz te pede para acreditar.

Faça bom uso do “EU ACREDITO”, Brasil. Nós não iremos patentear. Só pedimos que, onde você estiver, quando as coisas estiverem difíceis para o Galo em campo, nos ajude com o mantra. EU ACREDITO! EU ACREDITO! EU ACREDITO!

Fael Lima

ABRAÇO, MASSA!

Twitter | Facebook

Youtube 1 | Google +

VÍDEOS DA MASSA – ATLÉTICO 4X1 FLAMENGO (PARTE 3)

AQUECIMENTO DAS TORCIDAS




VÍDEOS DA MASSA – ATLÉTICO 4X1 FLAMENGO (PARTE 2)

ÔNIBUS DO ATLÉTICO CHEGA NO MINEIRÃO

FIM DE JOGO

O HINO ECOA NO SALÃO DE FESTAS

SOU GALÔ, SOU GALÔ

SOMOS ALVINEGROS

VÍDEOS DA MASSA – ATLÉTICO 4X1 FLAMENGO (PARTE 1)

REAÇÃO DA MASSA NO QUARTO GOL

REAÇÃO DA MASSA NO TERCEIRO GOL

REAÇÃO DA MASSA EM ALGUM DOS VÁRIOS GOLS

TELÃO DO MINEIRÃO EXIBE 6 A 1 NO FLAMENGO

O GALO É O TIME DA VIRADA

CAM1SA D3LAS – ÉLIDA BITTENCOURT

 CURTA O CAM1SA DO2E NO FACEBOOK E VEJA MAIS FOTOS

Clique aqui para ver outras capas do Cam1sa D3las

10695272_708855839189143_1067421836_nA Élida está representando o Galo na disputa “Belas da Torcida”, do portal UOL. Essa semana está rolando clássico e a representante da Massa está goleando.

Sempre presente na arquibancada, Élida fez questão que o ensaio fosse registrado no gramado do temido Horto.

Acesse o site da disputa no link abaixo e convoque os amigos. #PraCimaDelas

Clique aqui para votar

Página da Élida no Facebook

  (Envie sua foto para [email protected])

Clique nas miniaturas para ampliar

CLIQUE AQUI E CONFIRA PRODUTOS PARA A MASSA

Fael Lima

ABRAÇO, MASSA!

Twitter | Facebook

Youtube 1 | Google +

eudes 0610532760_672419302846965_8843504218794835695_n

10501957_703664319680872_7518383896945530815_n1074064_408335069284756_337195965_o

970899_200079070140877_684614184_nunnamed (2)

1549561_644697258920161_86764926_n6114_516274675086087_1799713176_n

hdr_14091935576271472089_676502455722836_1210856276_nMilla Azevedo 02Carol Abdo

10585402_820819214596938_1954491094_n

992954_280702525406792_699083688_n

VOVÓ DO GALO

Sempre presente no portão 3, a Vovó do Galo se tornou uma torcedora símbolo do Atlético. Aos 94 anos, Ana Cândida de Oliveira Marques não perde um jogo e canta todas as músicas da arquibancada.

Clique aqui e acompanhe a Vovó no Facebook

1