Copa do Brasil – Artilheiros

*Jogos realizados até 04/04

5 gols – Jônatas Belusso (Juventude-RS)

4 gols – Luís Fabiano (São Paulo-SP)

3 gols – Lúcio Maranhão (Asa-AL); Wallyson (Cruzeiro-MG); Jailson (Fortaleza-CE); Ramon (Goiás-GO); Enrico, Roger (Ponte Preta-SP)

2 gols – Edson, Murilo (Abc-RN); Didira (Asa-AL); Fábio Lima (Atl.-GO); Guerrón (Atl.-PR); Jhonatan (Bahia de Feira-BA);  Herrera (Botafogo-RJ); Felipe Azevedo (Ceará-CE); Souza (Chapecoense-SC); Anderson Aquino (Coritiba-PR); Zé Carlos (Criciúma-SC); Cleo (Fortaleza-CE); Léo Gago (Grêmio); Bruno Mendes (Guarani-SP); Barcos, Leandro Amaro (Palmeiras-SP); Rychely (Paulista-SP); Kariri (Paysandu-PA); Marinelson (Penarol-AM); Danilo (Portuguesa-SP); Geílson (Santa Cruz-PE); Marcelo Pelé (São Mateus-ES)

1 gol – Raul (Abc-RN); Kaio, Moisés (América-MG); Soares, Wanderley (América-RN); Baiano (Aquidauanense-MS); Alan (Asa-AL); André, Mancini, Réver (ATLÉTICO); Gilson, Joilson, Marcão, Marino, William (Atl.-GO); Harrison, Marcinho (Atl.-PR); Gabriel, Rafael Donato e Souza (Bahia); Marlon (Boavista-RJ); Loco Abreu, Renato (Botafogo-RJ); Bachin, Luan (Brasiliense-DF); Márcio (Cene-MS); João Paulo, Leandrinho (Chapecoense-SC); Jonas, Paulinho Messejana (Comercial-PI); Nirley, (Criciúma-SC); Anselmo Ramon, Léo, Rudnei (Cruzeiro-MG); Fernando (Cuiabá-MT); Vieira(Espigão-RO); Rômulo (Fortaleza); Iarley, Ricardo Goulart, Rafael Toloi (Goiás); Bertoglio, Kleber, Marcelo Moreno, Werley (Grêmio); Neto, Fumagalli (Guarani-SP); Evertom, Urânio (Gurupi); Elanardo, Jô, Mateus Gadelha (Horizonte); Kaká, Moisés (Ipatinga); Leo Maringá (Juventude); Raul Prata, Valdir Papel (Luverdense); Cesinha, Derley (Náutico); Juninho, Maikon Leite, Marcos Assunção (Palmeiras); Alex Bruno, Luisinho, Nilson, Wellinton Silva (Paraná); Adriano Magrão, Leandrinho, Yago Picachu (Paysandu-PA); Fábio Bala, Rondinelli (Penarol-AM); Rodrigo Pimpão (Ponte Preta-SP); Ananias, Diego Souza, Ricardo Jesus (Portuguesa); Jaime, Joãozinho, Reis (Remo); Almir Sergipe, Jonhatan, Lelê (River Plate-SE); Dênis Marques, Memo (Santa Cruz); Elton, Gabriel, Galvan (Santa Quitéria-MA); Cléo, Edgar (Sampaio Corrêa); Binho (Santa Cruz-RN); Bruno Alemão (São Mateus); Cícero (São Paulo); Rodrigo, Dudu (Sapucaiense-RS); Jael, Marcelinho Paraíba, Renato (Sport-RE); Amaral Rosa, Manu (Treze-PB); Marquinhos, Arthur Maia (Vitória-BA) Contra 1 – Belém (River Plate-SE), Danilo (Santa Cruz-RN)

Clique aqui e confira a tabela completa.

Foto: Juan Barbosa

Fael Lima

Tv Re’Torcida – Triângulo Alvinegro

O Tv Re’Torcida chega com atraso, mas a tempo de mostrar pra Massa como os atleticanos do Triângulo Mineiro são fantásticos. Como já dissemos essa semana, Uberaba é do Galão!

Fael Lima

ABRAÇO NAÇÃO!

Twitter | Facebook | Orkut

Youtube 1 | Youtube 2 |Youtube 3

Copa do Brasil – Jogos de quarta-feira (04/04)

Jogo – Horário

Palmeiras (SP) x Horizonte (CE) 21h50

Grêmio (RS) x Ipatinga (MG) 19h30

Juventude (RS) x Portuguesa (SP) 20h30

América (MG) x Goiás (GO) 21h50

Asa (AL) x Coritiba (PR) 20h30

Paysandu (PA) x Sport (PE) 21h50

Guarani (SP) x Botafogo (RJ) 21h50

Clique aqui e confira a tabela completa.

Clique aqui e confira os artilheiros da Copa.

Imagem: Internet

Fael Lima

Tv Re’Torcida – Setenta e duas horas com o Galo

Foram setenta e duas horas indo de um lado para o outro em Belo Horizonte e Sete Lagoas. Tudo para não perder um segundo sequer da festa da Massa no aniversário de 104 anos do Atlético.

Desde a estrada para a Arena do Jacaré, o encontro na madrugada e na manhã de domingo, a homenagem na Assembleia Legislativa, tudo registrado para o Atleticano. Frio, chuva, sol, nada impediu os apaixonados de festejarem o aniversário do Clube Atlético Mineiro.

Infelizmente tivemos problemas técnicos e mesmo passando a terça-feira editando, foram surgindo cada vez mais erros nos programas de edição que usamos, nos formatos dos vídeos e no próprio computador. Como problema nenhum é páreo para nós, atleticanos, fizemos o possível para enviar o Tv Re’Torcida sem abertura, créditos, entre outras falhas que não foram possível corrigir.

Peço desculpas, mas não poderíamos deixar de publicar essas belas imagens que a torcida proporcionou. Assista e deixe seu comentário!

Créditos:

Produção: Fael Lima e Lucas Cardoso

Imagens: Rafael Bruno, Fael Lima, Lucas Cardoso, José Alexandre

Edição: Lucas Cardoso

Trilha:

Mc Teco – Ela ou o Galo

Hino do Atlético (saxofone e guitarra)

Beth Carvalho – Vou Festejar

Tianastácia – Galo na cabeça

Fael Lima

ABRAÇO NAÇÃO!

Twitter | Facebook | Orkut

Youtube 1 | Youtube 2 |Youtube 3

Sobre Mantos e Batalhas

De quantas alegrias se veste uma camisa,

de quantas armas se traveste uma dor?

Façamo-nos atletas sem chutar pra longe a razão e sem entrar de sola contra a arte e a paixão.

Uma escolha não pode escalar a crueldade nem a covardia pode desfilar sua cor. As cores de um manto não podem manchar o escudo da esportividade porque o infortúnio não escolhe camisa.

Em campo deve-se driblar a tristeza, tabelar com o respeito e vencer pela boa vontade aqueles que jogam pra escanteio o bom-senso, a dignidade e o caráter.

Não respeitar diferenças é torcer pra insanidade e fuzilar as próprias redes com a marca da ignorância.

Faz gol-contra quem vai ao ataque sem entender as regras e não reconhece os limites do jogo. Digno de cartão vermelho que não por acaso tem cor de sangue. Sangue que é sinônimo de vida, mas que se derramado denota a selvagem fraqueza humana e merece penalidade máxima.

A vitória não merece a mácula da intolerância e muito menos a derrota merece a irascível justificativa da violência.

No campeonato da existência vencem mais aqueles que são comandados pela sabedoria e com técnica realizam suas jogadas, sempre pensando em equipe. Somos um só time na esfera do mundo, aos olhos do Criador.

Não se faz vencedores com armas e camisas; nascem perdedores com mediocridade e túmulos.

Torcer, vibrar, soltar o grito da garganta é pra extravasar a emoção do gol e corroborar o orgulho de ser campeão, nunca para desclassificar a paz coletiva.

A paz merece prorrogação. Benditos aqueles que torcem pela vida.

Por Wanderley Mendes da Fonseca

Imagem: Internet